Brasil: Governo tenta convencer que a segurança está garantida

Resultado de imagem para alexandre moraes

O ministro da justiça Alexandre Moraes em suas declarações em rede nacional, nos tele jornais, acha que o povo brasileiro não tem raciocínio, nem senso crítico. Quando resolve dizer que os massacres nos presídios de Manaus e Roraima não tem ligações.

Em Manaus, no primeiro dia do ano foram mortos, por guerras de facções, 56 detentos, e em Roraima, na madrugada desta sexta feira, dia 06, foram mortos 33 detentos. Foram 89 mortes em dois ataques.

O governo perdeu a vergonha do ridículo. Pois não tem o que fazer contra os perigosos bandidos, presos ou soltos, que resolvem matar quem quiser ou deseja.

Não há programa de proteção à população brasileira. Não há um membro dos poderes que tenha condição de dar ao povo brasileiro pelo menos a sensação de segurança em viver no Brasil.

Achar que adiantar repasses de recursos federais irá resolver o incontrolável é um equívoco dos governantes.

A falha pode está na tentativa de recuperar, por uma lei do século passado, o irrecuperável.

Se criarem, enquanto há tempo, penas mais severas contra a crueldade, contra crimes que destrói a segurança de toda uma sociedade, poderá ser que o Brasil volte a ser de novo nossa “Pátria Mãe Gentil.”

 

Por Laurivan de Sousa